Deixem os cães ser cães, caramba.

reagh-chihuahua-purse-1967-thumb-600x474-16777

Apercebo-me de que já fomos longe demais enquanto civilização em momentos tão boçais como este: hoje no café vi um Chihuaha vestido com um casaquinho de malha, dentro de uma mala de senhora.

Podia parar por aqui que já provava o meu ponto.

Mas eis que o seu focinho de rato espreita cá para fora e submerge a sua afiambrada língua no chá frio da senhora idosa sua dona (que nada faz) e ali fica a chapinhar insolentemente, qual dama da corte inglesa. Volta e meia ladra para o ar em dó sustenido – de som e de dor, entenda-se  –  num agudo de fazer inveja a qualquer tenor que, ao contrário deste chihuahua, ainda possua testículos.

Podia parar por aqui, mas não – o chihuahua chamava-se Sebastião. O cão-rato foi baptizado com nome de rei, tão nobre e tão dign0, em perfeita consonância com aquele corpanzil de ratazana apertada, de olhos esbugalhados para fora das órbitas.

Ora, é tempo de alguém gritar a verdade: há algo de profundamente errado nesta necessidade humana de tornar mais humano o inumanizável (Gostaram? Eu também). Um mundo que veste os cães com casaquinhos de malha é um mundo ao contrário. Mais um anos e temos de os levar ao psicólogo e a declarar nas Finanças.

É que tentar humanizar um canídeo é retirar-lhe dignidade. Na tentativa de o humanizar ele não fica mais humano, fica só mais irritante. O Sebastiãozinho, por exemplo, que já teve o azar de nascer chihuahua, não precisa de um casaquinho de malha a lembrá-lo de que está condenado a uma existência ridícula e mesquinha. A culpa não é dele, ele é uma mera vítima dos adereços da dona, que naquele dia nem trouxe o laçarote e o poncho impermeável.

Deus, quando criou o melhor amigo do homem, NUNCA previu que caberia na cabeça de alguém vestir coisas num animal que já tem pêlo para esse efeito.

Nem muito menos adivinhou que lhe iam dar nomes de humanos, quanto mais queques melhor, tais como Vicente, Maria e Salvador. É incongruente ouvir chamar estes nomes na rua e esperar ver um pequenote mas em vez disso aparece um quadrúpede a cheirar rabos pela rua fora.

Também nunca pensou que ia ter de assistir à doentia necessidade dos donos de publicar 7386 fotos diárias dos seus canídeos no Instagram, agora em pé, agora a dar a pata, agora a rebolar; e de os ver açoitados porque ao vigésimo take não sabem estar quietos e fica tudo desfocado na selfie ” ❤ Eu e a Pantufa ❤ #ilovemydog #eumaisapantufa #friends.

Também nunca pensou, jamais em momento algum, que iam amaricar as rações com aloé vera e óleo de jojoba, para o pêlo ficar mais sedoso e a barriga trabalhar melhor . “Poupem-me” – terá pensado Deus nessa altura.

Depois vingou-se, e uma cadela algures deu à luz o Sebastião. E agora não há nada a fazer.

Quem me conhece sabe que adoro cães, e que tenho 1 belo exemplar lá em casa. É em nome do futuro dele, e da bela descendência que vai deixar em cadelas rafeiras que engravidar na rua, que me insurjo hoje: deixem os cães ser cães, caramba.

Captura de ecrã 2014-04-23, às 12.29.23

 

E, para terminar, uma selfie do meu #Pepe #lindo #ilovehim.

Anúncios

4 Comments Add yours

  1. Tânia diz:

    Afinal o seu cão também tem nome de humano!! Eu também tenho um belo exemplar como o seu lá em casa, e também acho que por vezes se humanizam demasoado os animais! Mas a verdade é que, são quase sempre tão carinhosos que a sua companhia por vezes é bem melhor que a de um humano!! Parou para pensar, quando viu a senhora idosa que provavelmente este cão é o mais perto a uma companhia (in) humana que a senhora pode ter??!!!

    1. Concordo, e acho que os cães são uma companhia formidável para velhos e novos – só que não é preciso vesti-los e dar-lhes chá para esse efeito! 🙂 obrigada pelo comentário

  2. Teresa Seruya diz:

    Simplesmente magnífico, Mirizita! Um prazer e um riso sincero aos primeiros minutos desta segunda-feira. O seu poder de observação e manejo da sua (nossa) bela língua são de fazer inveja a qualquer um, incluindo a um professor de faculdade.
    Beijinhos
    Mimi

    1. Obrigada querida Mimizola!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s