Os 10 mandamentos para a futura-mãe

baby-feet-in-bed-parents

É escrever já antes que seja tarde demais, porque hoje em dia filhas viram mães em menos de nada. E é um tirinho até darmos por nós a fazer as mesmas tropelias que as nossas mães nos fizeram. Aquelas que na altura nos obrigaram a pensar “Apre, lembrem-me de nunca fazer isto aos meus filhos!”.

Como o Bumba é mais de prevenir do que de remediar, aqui ficam os 10 mandamentos para as futuras-mães do mundo inteiro:

1. Não falarás em público sobre cores, cheiros e texturas do conteúdo escatológico que brota do teu recém-nascido. Ninguém quer saber.

2. Não vestirás o teu 4º filho apenas e só com roupas herdadas dos 3 anteriores. No mínimo, separarás o azul do cor-de-rosa.

3. Não molharás o dedo com o teu próprio cuspo para limpar algo da cara do teu filho. É ternurento mas um tanto-quanto nojento.

4. Não cairás na asneira de achar que o teu filho é um labrador-bébé, piqueno e fofo para sempre. Vai ter pêlos sim, mas é na puberdade. Mentalizar-te-ás de que ali vai nascer barba, e uma voz grossa e máscula.

5. Não pedirás ao teu filho para mostrar aquele talento dele em frente a uma plateia de tias. Se ele souber cantar, dançar ou recitar poesia manifestarás o teu orgulho de forma mais discreta.

6. Não apertarás a bochecha ao teu filho. Nem ao filho de ninguém, para o devido efeito. Aleija.

7. Não tentarás encetar conversas de amigo-para-amigo sobre sexualidade. Não tão-pouco simularás ser prá-frentex em dito tema. Acima de tudo, não torturarás o teu filho com brochuras sobre o preservativo e as DST’s. Os amigos/médicos existem para isso.

8. Não irás buscar o teu filho de 15 anos à porta da discoteca, à vista de todos. Estacionarás uns metros antes e lembrar-te-ás de que ele gosta de ti na mesma, é só uma fase.

9. Não te anteciparás a dizer “Fala às tias, filho!” quando é óbvio que o filho tenciona fazê-lo, já tencionava antes de tu o dizeres e assim só passará por mal-educado. Confiarás na educação que deste ao teu filho, ou calar-te-ás para sempre.

10. Não alegarás que isto ou aquilo é “só para dias de festa”. Isso irrita. Os anos voarão e não farás assim tantas festas.  Usarás regularmente o faqueiro especial da avó, a baixela da Vista Alegre e o veludo-cotelê que se estraga à mínima. Para treinar, abrirás neste instante aquela garrafa de Porto mais velha que tu. Beberás. Mais um. Arrotarás. De nada.

 

PS – Dedico esta missiva à minha querida mãe, a quem estou eternamente agradecida pela dose de paciência que teve (e tem) para aturar 4 destes. 

Anúncios

2 Comments Add yours

  1. É só rir com estas recomendações da Mariana!!!!!

  2. sara seruya diz:

    Agora sim, foi comoção a valer, com esta dedicatória da filhota benjamina aqui à Velha… “touché!” em ttudo – palavra francesa para dizer que as “estocadas” foram mesmo certeiras, e divertidas, ainda por cima!… Xi-coração apertado…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s